“E esperarei ao Senhor, que esconde o seu rosto da casa de Jacó, e a ele aguardarei”. Isaías 8:17

Onde estás? Por que não me escutas? Estas são perguntas que fazemos frequentemente em nosso intimo diante das grandes dificuldades, dor e sofrimentos que passamos no decorrer da vida.

Quando o médico anuncia o diagnóstico de uma doença grave, as lágrimas vêm aos olhos, correm pelo rosto e a tristeza toma conta da nossa mente, turbada pela notícia favorável a doença.

Quando um empresário em meio à angústia e tristeza se encontra sem esperança de continuar esta batalha para manter sua empresa pleno funcionamento, se faz necessário demitir pessoal, que por sua vez, desempregado, não sabe o que vai ser do futuro, pois tem que sustentar sua esposa e filhos.

Quando um jovem está entregue ao vício de entorpecentes por vários anos, sendo internado por várias e várias vezes, e sem resultado positivo, retorna às ruas e se entrega mais uma vez, trazendo grande sofrimento para sua família.

Tais exemplos me lembram que na terra de Uz vivia um homem chamado Jó. Era homem íntegro e justo; temia a Deus e evitava o mal. Tinha ele sete filhos e três filhas, e possuía sete mil ovelhas, três mil camelos, quinhentas parelhas de boi e quinhentos jumentos, e tinha muita gente a seu serviço. Era o homem mais rico do oriente.¹

                Num dia o Diabo, ao se encontrar com Deus questiona a conduta de Jó por ter todas estas coisas, então Deus lhe permite tocar em seus bens, sua saúde e até seus filhos foram-lhe tirados. Jó passa então a ter uma vida miserável e sua esposa ao invés de ajuda-lo, faz criticas duras mandando rejeitar ao seu Deus.

Seria como se Deus estivesse virado às costas para Jó, como se estivesse desaparecido da terra naquele momento angustiante, como se todo tempo na Sua presença fosse em vão, porém Jó se manteve firme (Saí nu do ventre da minha mãe, e nu partirei. O Senhor o deu o Senhor o levou; louvado seja o nome do Senhor!²), sabia em que qualquer momento Deus agiria em sua causa.

Muitos em nossos dias recorrem a artifícios nada bíblicos para resolução dos seus problemas, outros julgam aqueles que estão passando por alguma dificuldade, dizendo que estão em pecado, ou porque não entregou seu dízimo, não “barganhou com Deus”, hipócritas, não sabem o que dizem.

Jó conhecia Deus através do que aprendeu com as gerações passadas, conforme a lei, porém não tinha uma real experiência, não tinha uma proximidade mais profunda com Deus, e todas estas coisas lhe vieram e provaram que ele era mais forte do que pensava, mostrou a ele que Deus nunca o abandonou e que todas as coisas que ele tinha não são mais valorosos que estar na presença do Deus altíssimo.

O propósito do evangelho não é nos dar riquezas, uma boa saúde ou mesmo não passar por momentos de tribulação, passaremos por todas estas coisas, porém assim diz o Senhor: “Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso. Tomem sobre vocês o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas. Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve”.³

Cristo nos chama para um entendimento real do evangelho, do Reino de Deus e sua justiça, nos mostra através das escrituras que estará em todo momento ao nosso lado, nunca viraria as costas pra nós. Por mais que a circunstância nos mostra o contrario, a tribulação venha nos afligir e a tristeza venha tomar conta de nossos dias tenebrosos, Ele ali se faz presente.

“Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo”. 4

Coloquei toda minha esperança no Senhor; ele se inclinou para mim e ouviu o meu grito de socorro. Ele me tirou de um poço de destruição, de um atoleiro de lama; pôs os meus pés sobre uma rocha e firmou-me num local seguro.5

Você tem dois caminhos a seguir diante das tribulações, escolher se afundar num poço de amargura, tristeza e dor ou entregar os teus caminhos ao Senhor, pois assim Ele estará confortando seu coração e sua mente, e assim, com calma, passará por tais problemas. Ele estará agindo em favor da sua causa. Fique em paz, pois Ele tem olhado por ti.

E que a graça do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, o grande amor de Deus e as ricas consolações do Espírito Santo sejam com todos, amém!

Roberto Viana

Evangelize compartilhando

Curta Nossa Página

#avivamentoemreforma

https://avivamentoemreforma.wordpress.com

 

Referências (NVI):

1 Jó 1:1-3

2 Jó 1:21

3 Mateus 11:28-30

4 João 16:33

5 Salmos 40:1,2

 

Anúncios